Archive

Please reload

Tags

Please reload

Newsletters essentials

February 13, 2018

 

Comunicar o nosso negócio com quem nos quer ouvir pressupõe uma relação. Cabe-nos alimentar essa relação e fazer valer o compromisso de "mandar notícias". Afinal, temos uma relação!

Mas enquanto promotor da marca, o que devo esperar e prever do subscritor da newsletter da minha empresa? O que espera e o que devo eu esperar? Uma newsletter é mais uma tarefa que consome tempo e devo conseguir quantificar o seu retorno, preferencialmente mensurável ou, no limite, o que essa newsletter faz pela empresa enquanto estratégia e posicionamento.

 

Trata-se de um dos mais antigos métodos de Marketing Digital, existindo antes da era online, via carta (uau! Os chamados Postal Digests) e tal como uma carta que se envia a um conhecido, detalhes e informação sobre o receptor são facultados e só facultamos os nossos dados a quem confiamos e gostamos. Desmembrando a palavra "newsletter" para além da "letter" convém garantir que são enviadas "news" e não apenas mais uma aborrecida comunicação institucional.

Um estudo realizado pela Optimove revela que há 4 tipos de subscritores de newsletter a considerar:

 

1. Os que se aproveitam da Promoção: têm pouco interesse na marca e não se identificam ao ponto de querer manter contacto. O interesse foi apenas agarrar um desconto ou vale cuja condição era a subscrição à newsletter. A marca procura novos consumidores, lança uma campanha na expectativa de atrair oferecendo um benefício e então ter contacto com um cliente-tipo diferente, porém esse consumidor subscreve, mas cancela a subscrição após a utilização do benefício, resultando num esforço em vão da empresa. O segredo está na identificação atempada deste tipo de subscritor, tentando de imediato mantê-lo feliz pela sua subscrição, fazendo-o sentir-se especial e contactando-o por cada encomenda.

 

2. Subscritores Activos: são antigos clientes, quase embaixadores da empresa e seguem-na mesmo não tendo ainda adquirido nenhum produto. É fulcral conseguir  identificar factores limitativos para a conversão de seguidor em cliente. Que objeções o impedem de ser nosso comprador? O valor dos serviços? A cobertura geográfica? O contacto excessivo com esses subscritores no sentido de obter contacto directo pode ser tricky já que se corre o risco de ser demasiado intrusivo, conduzindo-os ao cancelamento da subscrição. Lançar uma newsletter para obtenção de respostas/interacção como "classifique os 3 melhores serviços da th2" poderá induzi-lo a reflectir e a pressioná-lo para ser capaz de participar.

 

 

3. Novos Subscritores Espontâneos: aqueles que descobriram a marca por referência de terceiros ou clicando num anúncio, ficando encantados, curiosos. Exploram o website na íntegra e querem mais. Sentem "amor à primeira vista" e esse impulso deve ser alimentado.

 

4. Antigos Subscritores: é um desafio convencê-los a re-subscrever, mas é possível e cada vez mais frequente. São clientes regulares mas não querem encher a caixa do correio? Continuam a par das novidades da empresa, mas preferem activamente buscar informação a nosso respeito? É essencial a criação de grupos e segmentar os subscritores, especialmente nestas condições, para que o envio, para além de personalizado (com identificação do Nome), contenha informação que aquele subscritor está disposto a receber. Um contacto alternativo que não a newsletter poderá ser uma alternativa, fazendo valer essa tão-afamada prática de Marketing Relacional /One-on-One. Os chats nos websites são excelentes formas de interagir com os não-subscritos e antigos-subscritores. Estar disponível no momento exacto que nos procuram poderá ser uma boa forma de convencer a subscrever.

 

 

Tal como qualquer comunicação nas redes sociais ou em geral do negócio, o trabalho de criação de Marca/Branding e a definição do seu carácter está constantemente em jogo. Content is King e por isso importa identificar que conteúdo determinado cliente necessita e pretende receber, tendo bem clara a importância de definir os vários tipos de cliente. Só quem produz bom conteúdo (àquele cliente) é que ganha direito a ser lido e seguido.

 

Não deixe de participar nas formações de Business Marketing nas Redes Sociais ou Mini MBA Small Business tendo como convidada Filipa Freitas da Lancecollective, expert em Newsletters. A TH2 disponibiliza Serviço de Apoio de Comunicação Mensal, incluindo conteúdo e design de Newsletters.

 

 

 

Please reload

Recent Posts

August 23, 2019

May 13, 2019

Please reload

(+351) 210 994 958

Avenida Álvaro Pais, 12D Lisbon Portugal 1600-007

  • Blog

©2019 BY TH2